4832221244 (48) 9137-0822

CADERNOS ESCOLARES E A ESCRITA DA HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO MATEMÁTICA

Autor(es):

Avise-me

Preencha os campos abaixo e avisaremos quando este produto estiver disponível:

DESCRIÇÃO

Essa produção ensejou a publicação de obras-síntese resultantes dos estudos apresentados em Seminários Temáticos do GHEMAT. Esses estudos têm explicitado o desenvolvimento do projeto coletivo de pesquisa intitulado "A Constituição dos Saberes Elementares Matemáticos: a aritmética, a geometria e o desenho no curso primário em perspectiva histórico-comparativa, 1890-1970", que obteve auxílio do CNPq por meio de Edital Universal, reunindo grupos de pesquisa de cerca de vinte estados brasileiros. A presente obra soma-se a esses resultados já obtidos. Desta feita, tendo em conta cadernos escolares com registros de aulas de matemática. O livro foi elaborado a partir de enorme esforço de organização de um banco de dados com cadernos escolares. No processo de escrita desta obra, tomaram-se os estudos apresentados no XV Seminário Temático de Pelotas, RS, realizado entre os dias 29 e 30 de abril e 1o de maio de 20173. No total, o encontro reuniu cerca de 80 trabalhos resultantes de estudos históricos tendo em conta o uso de cadernos escolares com registros de aulas de matemática como fontes para as pesquisas. Na análise dos cadernos com vistas à história da educação matemática, os capítulos buscaram ter em consideração a complexidade desse dispositivo escolar. E, neste caso, a escrita do Capítulo 1 desta obra trouxe reflexões fundamentais para os pesquisadores e interessados em lançar mão de cadernos escolares para a escrita histórica. Cadernos escolares como fonte e objeto da História da Educação é o título do primeiro capítulo, no qual a pesquisadora Eliane Peres atenta para o fato de que um "caderno não é apenas um objeto, não é somente um suporte de registro, mas sim um dispositivo de aprendizagem gráfica, que permite à criança (ou ao adulto em processo de aprendizagem) entrar nas múltiplas funcionalidades sociais da escrita". Desse modo, ao pesquisador, cabe atentar para a complexidade da leitura desses objetos/fontes, que não apenas registram e revelam traços de práticas escolares, mas são constitutivos dessas práticas e, portanto, da cultura escolar. Tendo em vista essa ponderação, o texto remete o leitor a conceitos, tipologias e classificações de cadernos escolares, realizando importante inventário bibliográfico que inclui obras nacionais e internacionais que vêm tratando desse tipo de fonte para a escrita da História da Educação.

Ficha técnica

Dimensões:
0,9cm x 14,0cm x 21,0cm
Páginas:
174
ISBN:
9788578615147
Código:
195902
Código de barras:
9788578615147
Edição:
1ª EDIÇÃO - 2017
Data de Edição:
01/01/2017
Peso:
180